terça-feira, 9 de abril de 2013

A vida exemplar cristã - Parte 2

1 Pedro 2:18-25
Vós, servos, sujeitai-vos com todo o temor aos senhores, não somente aos bons e humanos, mas também aos maus.

Porque é coisa agradável, que alguém, por causa da consciência para com Deus, sofra agravos, padecendo injustamente.

Porque, que glória será essa, se, pecando, sois esbofeteados e sofreis? Mas se, fazendo o bem, sois afligidos e o sofreis, isso é agradável a Deus.

Porque para isto sois chamados; pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas.

O qual não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano.

O qual, quando o injuriavam, não injuriava, e quando padecia não ameaçava, mas entregava-se àquele que julga justamente;

Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados.

Porque éreis como ovelhas desgarradas; mas agora tendes voltado ao Pastor e Bispo das vossas almas.

A nossa consciência para com Deus é que nos faz servos submissos. Sabemos que Deus não põe fardo além de nossas forças. Sabemos também de sua justiça. Se alguém pratica o mau contra você, fique tranquilo o Senhor o levará ao lugar de perdão, se este for de coração duro o Senhor que lhe dará a correção necessária.
Não é nossa força, mas a justiça de Deus! Mas eu prefiro mil vezes o lugar de perdão e reconciliação.

Senhor traz a minha memória a quem devo pedir perdão!


Nenhum comentário:

Postar um comentário